Pages Menu
RssFacebook
Categories Menu

Posted by in Acupuntura, Dores Localizadas | 0 comments

Lombalgia – Origens, Sintomas e Tratamentos

Lombalgia – Origens, Sintomas e Tratamentos

Lombalgia significa dor lombar. Em inglês chama se LOWBACK PAIN.

Com uma grande incidência entre a população, a lombalgia torna-se muito importante.

Ao pé da letra, lombalgia é uma dor que aparece na região mais inferior da coluna vertebral.

Pode estar associada ou não à dor ciática – com irradiação da dor para o glúteo, coxa, perna e/ou pé.

A lombalgia pode ser classificada em aguda ou crônica.

Lombalgia Aguda: início repentino, pode ser associado a alguma atividade ou movimento realizado, ou simplesmente a pessoa acordar e não conseguir levantar.

lombalgia

Lombalgia

Presença de contratura muscular (estado patológico de contração muscular, sem possibilidade de alongamento pela dor que ele provoca) de apenas um lado da coluna lombar e, como dito anteriormente, pode ser irradiada para glúteo, coxa, perna e/ou pé.

– Dor em queimação

– Coluna travada

– Incapacidade de ficar com o corpo ereto para caminhar ou manter-se de pé.

– Dormência

Lombalgia Crônica: presença de dor ou desconforto mais ou menos frequente ou como resultado de algum movimento que provoque dor no local.

Dor não muito intensa, mas presente.

Presença de fraqueza muscular e algum grau de rigidez.

Pode entrar em crise, e aí, a dor se apresentará mais como aguda, porém, não com tanta intensidade.

– Ligeiro desconforto

– Fraqueza muscular + falta de condicionamento físico = dor

– Dor que melhora com a pressão (do dedo)

– Pessoa evita fazer determinados movimentos porque sabe que a coluna vai voltar a doer (às vezes toma anti-inflamatórios de forma incorreta e aleatória e com mais frequência do que o indicado).

Lombalgia – Causas Principais

lombalgia– Mecânicas – carregar muito peso de forma incorreta, fazer movimentos bruscos;

– Degenerativas – espondilolistese (escorregamento de vertebra), degeneração das facetas articulares da coluna, osteofitose (artrose – bico de papagaio).

– Hérnia de disco – Como abordada em outro artigo. Veja aqui!

– Fibromialgia – Como abordada em outro artigo. Veja aqui!

– Parkinson – pela postura adotada por quem sofre desse mal.

– Espondilite anquilosante – doença inflamatória e degenerativa da coluna.

– Artrite reumatoide – Como abordada em outro artigo. Veja aqui!

Lombalgia – Soluções Práticas

 

Lombalgia Aguda – na fase aguda podemos aplicar Acupuntura e/ou medicamentos para dor.

É necessário o acompanhamento médico, e é importante saber a causa da dor aguda.

O repouso e indicado. Calor local também.

À medida que a dor melhora, aí sim, podemos fazer algumas mobilizações e alongamentos, sempre dependendo da causa da dor.

Lembrando ainda que a acupuntura é excelente para diminuir a dor e é um importante recurso para devolver o bem-estar do paciente.

Lombalgia Crônica – se a lombalgia for crônica, sempre dependendo do diagnóstico, podemos aplicar os seguintes procedimentos para o alívio da dor: Shiatsu, Acupuntura, e Exercícios de Fortalecimento /Alongamento.

lombalgia

Também é muito importante o trabalho de educação do paciente sobre como pegar peso corretamente.

Os exercícios para fazer em casa ajudam a aliviar a dor e contribuem para que ele não tome tanto remédio e possa desfrutar de uma vida com mais qualidade.

Se você gostou deste artigo, então compartilhe com seus amigos e amigas nas Redes Sociais.

Deixe um comentário colocando sua dúvida ou sugerindo algum tema para que eu possa escrever sobre ele, esclarecendo e ajudando mais pessoas.

Eu prometo que responderei ao seu comentário! ☺

Existem muito mais pessoas sentindo dores localizadas do que você pode imaginar.

A maioria delas sofre “calada” e até achando que isto é normal.

Ajude a divulgar, compartilhando, pois, o primeiro passo para acabar com o sofrimento é o conhecimento.

Até o próximo Artigo.

Rosalina Ribeiro

Acupuntura e Shiatsu

Fisioterapeuta

Gostou? Então Compartilhe!!